Copa-Cogeca lança plano de ação para apoiar setor de carne bovina

O grupo agrícola da União Europeia (UE), Copa-Cogeca, lançou um plano de ação para apoiar o setor de carne bovina do bloco.

A manutenção do apoio financeiro no âmbito da Política Agrícola Comum (PAC), o incentivo às exportações através de regimes de apoio monetário e o reforço da atividade promocional apoiarão o plano, criado para proteger os produtores contra as voláteis forças do mercado.

O Copa-Cogeca lançou seu plano de ação de carne bovina na segunda-feira, 6 de novembro, em um evento de Bruxelas que contou com a participação de uma série de diplomatas agrícolas de alto nível, incluindo o comissário europeu para agricultura e desenvolvimento rural, Phil Hogan.

Jean-Pierre Fleury, presidente do Grupo de Trabalho de Carne Bovina do Copa-Cogeca, disse que o plano de ação foi lançado para proteger a indústria de pressões crescentes no mercado. Estas incluem a pressão dos preços sobre a cadeia d fornecimento e os receios de que as importações de carne bovina barata da América do Sul baixem o preço dos produtores domésticos.

“É por causa desses desafios que lançamos um novo plano de ação para apoiar nosso setor de carne bovina de alto padrão”, disse Fleury. “O plano inclui a manutenção de um apoio específico no âmbito da PAC [Política Agrícola Comum] para o setor, a fim de manter esse frágil setor produtivo. Seria desastroso para essas áreas rurais se nossas fazendas produtoras de carne desapareceram dessas regiões”.

O plano de ação também apresenta ideias para apoiar os exportadores de carne bovina, usando esquemas de crédito, seguros e garantias monetárias para cobrir alguns dos riscos associados à entrada em novos mercados.

Fleury também pediu melhores medidas para promover a carne bovina; desenvolvimento de ferramentas para gerenciar riscos associados à PAC; planos para incentivar os produtores a se juntar a organizações operacionais; e fundos para impulsionar a inovação nas fazendas para atingir metas de sustentabilidade.

Fonte: GlobalMeatNews.com, traduzida e adaptada pela Equipe BeefPoint.